08/06/2021 às 08h46min - Atualizada em 08/06/2021 às 08h46min

Com estoques baixos, hemonúcleos de Sorocaba e Jundiaí convocam moradores para Semana Mundial do Doador

Unidades pedem ajuda da população para reabastecimento total. Meta é receber mais de mil pessoas entre segunda (14) e sexta-feira (18).

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
G1
Divulgação
Os hemonúcleos de Sorocaba e Jundiaí (SP) estão convocando moradores com o objetivo de atingir 1,5 mil pessoas durante a Semana Mundial do Doador, realizada entre segunda (14) e sexta-feira (18). O evento acontece devido ao Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado em 14 de junho.
A finalidade é utilizar plena capacidade de coleta em ambos os serviços, incentivando as doações para reverter a situação crítica dos estoques, uma vez que as unidades são responsáveis por fornecer sangue para os serviços de saúde de toda a região de Sorocaba e Jundiaí.
Atualmente, as unidades operam com redução dos estoques de bolsa em torno de 30%, reflexo do frio temporário, ocasionado pelo período do inverno, além da pandemia e do intervalo das vacinações.
Por isso, pede ajuda aos doadores para atingir as capacidades totais de doações, o que impacta diretamente na disponibilidade de bolsas de sangue para as redes de saúde regional.
O Hemonúcleo de Sorocaba tem capacidade para coletar uma média diária de 130 doações. De segunda a sexta-feira, recebe cerca de 90 doações por dia, e habitualmente alcança a meta de 170 doações somente aos sábados.
Já o Hemonúcleo de Jundiaí tem capacidade para coletar uma média diária de 120 doações. Atualmente, trabalha com cerca de 72 doações por dia de segunda a quinta-feira, e habitualmente alcança a meta de 120 doações às sextas-feiras e aos sábados.
Dos tipos sanguíneos 'O+', 'O-', 'A+' e 'A-'.

Critérios para doar sangue:

  • Ter entre 16 e 69 anos (se for menor de idade, só com autorização dos pais e responsáveis);
  • Estar com a saúde em dia;
  • Pesar, no mínimo, 50 quilos;
  • Apresentar um documento de identidade oficial com foto (RG ou CNH);
  • Não ter ingerido bebida alcoólica no mínimo 12 horas antes da doação;
  • Não estar em jejum.

Medidas contra Covid-19

Durante a pandemia, as unidades adotaram todos os critérios estabelecidos para segurança dos doadores, como reforço na desinfecção dos ambientes, desinfecção das cadeiras a cada troca de doador, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os colaboradores, álcool em gel e uso de máscara obrigatório.
Além disso, a associação conta com o recurso do aplicativo Colsan Doe Vidas para agendamento das doações em qualquer ponto de coleta de sangue da Colsan, incluindo as unidades regionais. Em Sorocaba e Jundiaí, são disponibilizados 30 e 17 horários por dia, respectivamente, para agendamento prévio.

Recomendações complementares:

  • Pessoas que foram infectadas pela Covid-19 só poderão doar sangue 30 dias após a completa recuperação;
  • Pessoas que tiveram contato com pessoas infectadas nos últimos 30 dias pela doença não poderão dor sangue por 30 dias desde o último contato;
  • Pessoas que estejam em isolamento indicado por equipe médica devido a suspeita pela Covid-19 não poderão dor sangue por 30 dias;
  • Pessoas que apresentarem febre, tosse ou qualquer sintoma gripal só poderão doar sangue 30 dias após a completa recuperação;
  • Pessoas que se imunizaram recentemente deverão respeitar o intervalo de dias conforme a vacina recebida: CoronaVac (48 horas); AstraZeneca e Pfizer (7 dias) e contra a Influenza (48 horas).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

30349

views

81464

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp