14/12/2021 às 10h43min - Atualizada em 14/12/2021 às 10h43min

Comprovante de vacinação é exigido de forma desorganizada e aleatória no Aeroporto Internacional de SP, relatam passageiros

Maioria diz que não precisou apresentar o documento para entrar no país, apenas teste negativo de Covid. Obrigatoriedade foi determinada pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), no último sábado (11).

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
g1
Divulgação

A maioria dos viajantes vindos do exterior que desembarcou no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, não precisou apresentar o comprovante de vacinação contra a Covid para entrar no país nesta terça-feira (14).

A obrigatoriedade do comprovante foi determinada no último sábado (11) pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Funcionária da área da saúde, Priscila Carvalho Valhanes trabalha em um hospital em Londres, na Inglaterra, e chegou ao Brasil nesta manhã. A ela, foi exigido apenas uma declaração de saúde e o teste negativo de Covid.

"Quando eu cheguei aqui precisei mostrar o meu passaporte, eles pediram a declaração federal de saúde e pediram só o teste negativo de PCR ou antígeno", relata.

"Não, não me pediram [o comprovante de vacinação]. Eu tenho as três doses da vacina", complementa.

Já para o técnico de informática João Pedro Rodrigues, o documento foi solicitado. Ele estava nos EUA e desembarcou em Guarulhos nesta manhã.

"Pediram o comprovante da vacina e o teste negativo de Covid. Você nem chegava no balcão de imigração sem passar por duas pessoas que estavam verificando todos os documentos", narra.

Daniela Perez estava em Paris, na França, e contou que antes de embarcar precisou apresentar os documentos. No Brasil, porém, a solicitação foi feita para algumas pessoas que estavam no mesmo voo, mas não todas.

"Pediram o formulário da Anvisa, o teste de Covid e o certificado da vacinação [no aeroporto de Paris]. Lá pediram, aqui liberaram direto, mas eles estavam fazendo umas levas, eu acho que pela quantidade de gente que estava descendo dos voos. Para uma turma da frente eu vi pedindo [o comprovante]", explica.

Em nota, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirmou que iniciou na segunda (13) a implementação da cobrança de vacina, mas que aguarda a publicação de uma portaria regulamentando a medida.

"A medida esta em fase de implantação. É importante destacar que a Anvisa aguarda, ainda, a edição de portaria Interministerial com maior detalhamento das regras para a entrada de viajantes no Brasil."

O texto diz ainda que o trabalho utiliza informações da Declaração de Saúde do Viajante, preenchida previamente, e também a abordagem individual dos viajantes que desembarcam no país.



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

32527

views

86686

Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp