28/07/2021 às 12h07min - Atualizada em 28/07/2021 às 12h07min

Família de menino de 11 anos morto por motorista bêbado pede justiça: ‘Dor que não tem tamanho’

Segundo a mãe, Vinicius Wopp teria ido buscar uma peça de bicicleta enquanto a avó o esperava no carro e viu o acidente. O motorista foi preso e vai responder por homicídio na direção de veículo, embriaguez e fuga do local do acidente com omissão de socorro.

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
G1
Divulgação
A família do menino de 11 anos que morreu atropelado por um motorista embriagado, em Sorocaba (SP), busca por justiça após o crime. Vinicius Wopp tinha saído com a avó para buscar uma peça de bicicleta quando foi atingido por um carro em alta velocidade.
A mãe do menino, Priscila Wopp, de 35 anos, contou que estava no culto da igreja no momento em que soube do acidente. Ela foi ao local, mas quando chegou soube da morte.
O crime foi registrado na Rua Paulo Emanuel de Almeida, no bairro WanelVille. O motorista, Bruno de Moura Antunes, de 29 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça.
Em
 imagens gravadas por câmeras de segurança é possível ver que o menino aguardou para atravessar a rua. Quando o sinal fechou, ele começou a atravessar a via e foi atingido.
A mãe relata que chegou a ver o motorista na delegacia e que ele estava alterado. O caso está sendo investigado pelo 4° Distrito Policial de Sorocaba.
"Eu só quero Justiça, nada vai trazer meu filho de volta. Eu não quero ele solto. Não tenho palavras, meu filho era uma criança incrível. É uma dor que não tem tamanho."
Bruno também é suspeito de ter cometido outro acidente após atropelar e matar Vinícius. Ele foi abordado pela polícia e submetido ao teste do bafômetro, 
que apontou a presença de álcool no organismo. No carro, também estava o filho dele de 7 anos.
O homem disse a policia que havia ingerido cerveja e que estava indo para o Terminal São Paulo para buscar a esposa.
Ao ser questionado sobre o motivo de ter fugido, ele afirmou que o filho havia ficado muito nervoso com a situação e, por isso, não parou para prestar socorro ao adolescente.
Ele foi transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Sorocaba e vai responder por homicídio na direção de veículo, embriaguez e fuga do local do acidente com omissão de socorro.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

30349

views

81464

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp