11/11/2021 às 10h22min - Atualizada em 11/11/2021 às 10h22min

Com festa, Atlético goleia Corinthians e faz contagem regressiva pela taça

Galo venceu o Timão por 3 a 0, gols de Diego Costa, Keno e Hulk

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Super Esportes
Divulgação

O grito de campeão está cada vez mais próximo de sair da garganta do torcedor atleticano. Na noite desta quarta-feira, diante de um Mineirão lotado, o Atlético fez mais uma vítima no Campeonato Brasileiro. Sem dificuldades, o Galo goleou o Corinthians, por 3 a 0, e se isolou ainda mais na liderança da competição. Os gols da vitória foram marcados por Diego Costa, no primeiro tempo, e Keno, no segundo, ambos em belos chutes de fora da área, e Hulk, que fechou o placar com um golaço nos acréscimos.

A massa alvinegra deu um verdadeiro espetáculo para empurrar o time no Mineirão. E o resultado positivo foi a recompensa de mais uma festa, feita por 58.714 torcedores.

Com a vitória, o Atlético chegou aos 68 pontos, 13 a mais que o vice-líder Palmeiras (que ainda joga na rodada). Terceiro colocado, com dois jogos a menos do que o Galo, o Flamengo tem 54. Já o Corinthians teve a reação interrompida e fica na sexta posição, com 47.

O Atlético ganha uma 'folga' no Campeonato Brasileiro. O jogo da próxima rodada, contra o Bahia, acontecerá apenas em dezembro. O Galo jogará na terça-feira, contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada. Já o Corinthians entra em campo no sábado, às 21h, contra o Cuiabá, na Neo Química Arena. 

Cuca escalou o desfalcado Atlético com várias mudanças. Na zaga, Réver ganhou a vaga de Junior Alonso. No meio-campo, Tchê Tchê seguiu na equipe no lugar de Jair, opção no banco de reservas. No ataque, muitas novidades. Keno e Diego Costa entraram nos lugares de Vargas e Savarino. Nacho Fernández, que seria titular, foi cortado do jogo por desconforto muscular.


Já o Corinthians entrou com formação parecida com a que venceu o Fortaleza, no último sábado, com Róger Guedes mais aberto pela esquerda e Renato Augusto como 'falso 9'.


O primeiro tempo começou com uma característica comum dos jogos do Atlético no Mineirão. O time de Cuca tinha a bola e controlava as ações. Mas, diferentemente de outros adversários, o Corinthians pressionava a saída de bola e dava poucos espaços ao Galo.

Quando teve espaço para trabalhar, o time de Cuca foi mortal. Em contra-ataque, Diego Costa recebeu de Keno e optou pelo chute da intermediária. A bola foi à meia-altura, mas quicou perto do goleiro Cássio e morreu no fundo das redes : 1 a 0 .


Depois do gol, a partida ficou muito truncada, com muitas faltas dos dois lados e pouca efetividade. A melhor chance foi do Atlético, já na reta final. Após cruzamento de Keno, Diego Costa escorou para Hulk ajeitar e finalizar. Cássio, com o pé, salvou o Corinthians.

Os dois times voltaram com as mesmas formações para o segundo tempo. No Corinthians, mudança apenas tática. Róger Guedes passou a atuar como 'falso 9'.

Mas quem voltou disposto a definir o jogo foi o Atlético. Logo aos 5', Keno roubou a bola de Renato Augusto na intermediária, deixou com Tchê Tchê e recebeu de volta. Da entrada da área, o camisa 11 acertou um chute no ângulo de Cássio e explodiu o Mineirão : 2 a 0 .


Depois do gol, o jogo ficou morno no campo, mas esquentou nas arquibancadas, com direito a "ola" e "olé" da torcida atleticana, que fez linda festa nas arquibancadas. 


Com domínio da posse, o Corinthians não conseguia incomodar. O Timão apelou para cruzamentos na área, mas Everson se mostrou soberano. Com a bola no chão, o Galo tentava encaixar um contra-ataque para matar de vez a partida. 

O jogo foi controlado pelo Atlético. O time ainda desperdiçou algumas chances até Hulk, em bela jogada individual após troca de passes da equipe no ataque, marcar um golaço e explodir mais uma vez o Mineirão. Fim de jogo e mais uma vitória, a 13ª consecutiva no estádio pela competição. Falta pouco, muito pouco, para o fim do jejum do Galo no Campeonato Brasileiro. 



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

29754

views

80068

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp