20/05/2019 às 08h06min - Atualizada em 20/05/2019 às 08h06min

Estuprador de mulheres tem a prisão preventiva decretada pela justiça

Quatro vítimas reconheceram Júlio César Rodrigues na delegacia

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Estuprador de mulheres em Itu tem a prisão preventiva decreta pela Justiça
 
Pelo menos quatro vítimas reconheceram Júlio César Rodrigues na delegacia, após prisão em flagrante.
 
O homem suspeito de abusar sexualmente de diversas mulheres em Itu teve a prisão em flagrante convertida em preventiva durante a audiência de custódia. Pelo menos quatro vítimas o reconheceram na delegacia.
Júlio César Rodrigues tem 23 anos e foi preso na terça-feira (23) pela Polícia Militar no bairro São Luiz, em Itu. Ele deve voltar para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Sorocaba (SP), onde esteve desde que foi preso. A Justiça pode pedir a prisão preventiva, sem prazo determinado para terminar, para garantir a ordem pública e evitar que o suspeito cometa os mesmos crimes. A audiência de custódia foi realizada no Fórum de Itu.
Segundo a Polícia Civil, o suspeito é casado, tem um filho e a esposa está grávida. Apesar de ter sido preso em flagrante, já havia um mandado de prisão temporária expedido contra ele por outros dois ataques. Ainda de acordo com a polícia, Júlio agarrava as vítimas, as beijava à força, passava a mão pelos corpos delas e usava uma faca para ameaçá-las.
Após tentativa de estupro, uma mulher de 35 anos procurou a polícia e passou as características físicas de Júlio César e informações sobre o carro que ele usava. Ele foi localizado no mesmo bairro onde tentou abusar da mulher.
Ao ser preso, o suspeito chorou e chegou a negar os crimes, mas, ao saber que já era procurado, confessou ser o autor dos abusos.
De acordo com a Polícia Civil, o homem agia há pelo menos oito meses na cidade
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

29902

views

80399

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp