10/05/2021 às 15h36min - Atualizada em 10/05/2021 às 15h36min

Polícia prende mais dois seguranças por envolvimento em mortes no caso Atakarejo

Com isso, já são 7 pessoas presas por causa do duplo homicídio

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Divulgação
Mais dois seguranças do Atakarejo foram presos por envolvimento nas mortes do tio e sobrinho Bruno e Yan Barros, na segunda-feira (10). Os mandados foram cumpridos em Salvador e na cidade de Conceição do Jacuípe, segundo informações da Secretaria da Segurança Pública. 
Com isso, já são 7 pessoas presas por causa do duplo homicídio. Três seguranças e quatro traficantes foram detidos hoje. Os mandados foram cumpridos durante a Operação Retomada, deflagrada pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), com apoio de outras unidades da Polícia Civil, da SI da SSP, da PM e do DPT.
Além das prisões, mandados de busca e apreensão também foram cumpridos. Um deles, na sede do supermercado, onde foram recolhidos livros de ocorrências administrativas, computadores e aparelhos celulares. “Em nota, a assessoria do Atakarejo informou que não comenta decisões judiciais e vai continuar colaborando com as autoridades competentes para que o fato policial seja esclarecido o mais rapidamente possível”. O estabelecimento disse ainda que "reitera a solidariedade aos familiares das vítimas de um fato brutal e lamentável. A empresa não tolera qualquer tipo de violência".

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

33746

views

89871

Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp