24/06/2022 às 12h17min - Atualizada em 24/06/2022 às 12h17min

Comerciante sobrevive após levar dois tiros durante assalto no bairro Irema em Alumínio

Dois criminosos assaltaram um bar, no bairro Irema e durante o assalto dispararam vários tiros contra o comerciante.

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Gazeta de Alumínio
Divulgação
O comerciante e morador do bairro Irema, na cidade de Alumínio, Odilei do Carmo Pimentel, de 41 anos, sobreviveu a dois tiros disparados de arma de fogo que causaram duas perfurações nas costas da vítima, com possível lesão no pulmão e hemorragia interna. O comerciante só não morreu no local porque não foi atingido por outros disparos feitos pelos criminosos durante o roubo.
O assalto aconteceu na última semana (15.06), em torno das 22:00Hs, na Rua Antônio Felisbino da Silva, nº 100 – Bairro Irema, na cidade de Alumínio. Conforme ocorrência registrada pela Polícia Militar, que foi acionada via COPOM, quando a equipe chegou no local, a vítima já havia sido atingida pelos disparos efetuados pelos criminosos. O comerciante foi encontrado deitado e parcialmente consciente.  Segundo testemunhas que estavam no local, dois indivíduos armados, entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto. Os criminosos subtraíram celulares de clientes, do proprietário (vítima), o dinheiro que estava no caixa do estabelecimento e fugiram em sentido ignorado. Os clientes que estavam no local, bem como o proprietário, não esboçaram qualquer tipo de reação, e os criminosos efetuaram vários disparos, vindo a atingir o proprietário do estabelecimento, Sr. Odilei do Carmo Pimentel. A vítima foi socorrida ao Pronto Atendimento da cidade pela ambulância do município e devido a falta de meios, foi estabilizada e transferida ao Hospital Regional de Sorocaba. Os dois projéteis acertaram as costas do comerciante e estavam alojados próximos ao pulmão. Ele foi levado à emergência do pronto socorro do hospital, onde ficou internado, foi operado e felizmente não correu risco de morte devido a gravidade dos ferimentos. Ele ainda está com curativos, sente dores, e não consegue trabalhar. “Foi um milagre não ter acontecido coisa pior, um grande susto, eu estava dentro de casa e vieram me avisar que o “Bar do Olidei”, tinha sido assaltado e ocorrido vários tiros”, disse um morador do bairro. Os familiares da vítima entraram em contato com a nossa reportagem para informar que estão indignados com o descaso e a demora no atendimento para socorrer o comerciante após o assalto. Segundo os familiares, a Polícia Militar e a ambulância só chegaram após 40 minutos no local e poderia ter acontecido algo pior devido a demora em socorrer o comerciante. Os moradores do bairro informaram que devido à falta de policiamento, a insegurança é uma constante na vida de todos os moradores do local e que outros assaltos já ocorreram em outros estabelecimentos. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Mairinque e será investigada pela Polícia Civil.

 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

33746

views

89871

Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp