13/04/2022 às 10h07min - Atualizada em 13/04/2022 às 10h07min

Duas pessoas são presas em operação contra roubo de carga dos Correios, em Curitiba

Operação Cara de Pau cumpriu mandados de busca e apreensão e de prisão, nesta quinta-feira (12); câmeras de segurança registraram um dos crimes contra um carteiro.

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
g1
Divulgação

Duas pessoas foram presas pela Polícia Federal em uma operação contra uma quadrilha suspeita de roubar cargas de funcionários dos Correios, em Curitiba.

Segundo a Polícia Federal (PF), foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão. O homem preso em cumprimento do mandado também foi preso em flagrante, com mais uma pessoa, ambos por estarem com porções de crack e maconha.

Um dos crimes, registrado em agosto no bairro Cajuru, foi flagrado por câmeras de segurança. Que mostra o momento em que os suspeitos rendem um carteiro, que fazia uma entrega.

A ação recebeu o nome de Operação Cara de Pau, segundo a PF, porque o grupo abordava as vítimas em vias públicas, sem se preocupar com a presença de outras pessoas.

Ainda de acordo com a polícia, pelo menos três suspeitos armados roubaram um carteiro no dia 14 de agosto, no bairro Cajuru.

Os suspeitos renderam o funcionário dos Correios durante uma entrega de objetos do serviço Sedex 10. O carteiro foi rendido e colocado dentro do baú do veículo de entrega. A vítima ficou presa durante toda a ação do grupo, conforme a PF.

Depois de roubar a carga de objetos postais, ainda de acordo com a investigação, os ladrões abandonaram o funcionário e o veículo dos Correios.

Em nota, os Correios informaram que em caso de ocorrências contra empregados, prestam suporte médico e psicológico aos profissionais e acionam os órgãos competentes para realizarem o trabalho de investigação.

A empresa informou ainda que mantém estreito relacionamento com as instituições e autoridades públicas de segurança, para prevenir crimes, ocorrências de assaltos e outras ações que venham causar prejuízos à estatal.

Os Correios informaram que, por ser assunto relacionado à segurança, não divulgam detalhes ou informações sobre as ocorrências.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

30349

views

81464

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp