22/12/2021 às 12h03min - Atualizada em 22/12/2021 às 12h03min

Chefe de gabinete do governador do Acre é presa pela Polícia Federal

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
UOL
Divulgação

A chefe de gabinete do governador do Acre, Gladson Cameli (PP), foi presa na manhã de hoje pela Polícia Federal na 2ª Fase da Operação Ptolomeu suspeita de obstruir as investigações de corrupção e lavagem de dinheiro relacionados a membros do governo do estado. A prisão foi confirmada pela PF. Na semana passada, Cameli foi um dos alvos da primeira fase da operação.

A prisão foi determinada pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça), que pediu também a "imediata instauração" de novo inquérito policial visando a apuração do crime de obstrução de investigação de organização criminosa. Ainda por determinação do STJ, policiais federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão em Rio Branco.

A PF não divulgou o nome da chefe de gabinete, mas no site do governo o Acre o cargo é ocupado pela funcionária Rosângela Gama.

"Nesta segunda fase, a Polícia Federal identificou um conluio entre servidores públicos, que, após a deflagração da operação no último dia 16, praticou diversos atos direcionados a obstrução da investigação, na tentativa de destruição de provas essenciais para a continuidade das apurações", diz o comunicado da PF sobre a ação de hoje.

De acordo com a PF, a investigação que tramita no STJ (Superior Tribunal de Justiça) apura se um "grupo criminoso, controlado por empresários e agentes políticos ligados ao Poder Executivo estadual acreano, atuava no desvio de recursos públicos, bem como na realização de atos de ocultação da origem e destino dos valores subtraídos".


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

32481

views

86533

Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp