31/08/2020 às 09h08min - Atualizada em 31/08/2020 às 09h08min

Suspeito de matar governanta com diversos golpes de faca em Alumínio continua preso após ser localizado no Paraná

Ex-companheiro da governanta, Adriana Lourenço Matins Santucci, foi preso temporariamente para investigação do crime

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Divulgação
A Polícia Civil prendeu o ex- companheiro e principal suspeito de matar a governanta, Adriana Lourenço Matins Santucci, de 49 anos, na área central de Foz do Iguaçu (PR). O crime aconteceu no mês de julho, em uma chácara no bairro Vale Grande, na cidade de  Alumínio, interior de São Paulo.
De acordo com a Polícia Civil de Alumínio, foi expedida a prisão temporária por 30 dias de Sérgio Paulo Marreira, de 45 anos, que estava foragido. Ele foi detido após ser rastreado por chamadas telefônicas com parentes, no Paraná.
O ex-companheiro morava em Sorocaba (SP) e tinha um sítio em Alumínio. Ele foi localizado pela Polícia Civil, em um comércio de Foz do Iguaçu, e deve ser transferido para a Delegacia de Alumínio, onde prestará depoimento.
Ainda de acordo com a polícia, a primeira suspeita é que ele agiu sozinho. O casal tinha um relacionamento havia três meses e Sérgio não tinha antecedentes criminais.
A vítima foi encontrada sem vida e com sinais de cinco perfurações com faca, em um dos quartos da chácara dela, perto do guarda-roupas e da cama.(RG)

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

29774

views

80129

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp