01/11/2021 às 11h04min - Atualizada em 01/11/2021 às 11h04min

“Operação Saturação” interrompe festa clandestina com mais de 800 jovens no Campolim

- gazeta.redacao@yahoo.com.br
Prefeitura de Sorocaba
Divulgação

A “Operação Saturação”, realizada pela Guarda Civil Municipal (GCM) e pela Polícia Militar (PM), interrompeu, por volta da meia-noite deste domingo (31), as atividades de uma festa clandestina, com a participação de mais de 800 jovens, entre 16 e 25 anos de idade, no Parque “Carlos Alberto de Souza”, no Campolim.

O evento clandestino foi organizado pelas redes sociais. Seis viaturas da GCM deram apoio à PM durante a intervenção no local, dispersando, inclusive, brigas generalizadas que ocorriam no espaço público. Além disso, 47 veículos em situação irregular foram autuados e sete foram recolhidos, sendo três carros e quatro motocicletas.

Com o intuito de coibir a realização de “pancadões” e outros tipos de eventos clandestinos na cidade, além da perturbação do sossego e demais irregularidades, essa última ação da “Operação Saturação” ocorreu ao longo de 12 horas, das 18h de sábado (30) até as 6h deste domingo (31), e também contou com patrulhamento intensivo no Parque Vitória Régia e no Parque Paineiras. No total, 128 veículos foram autuados, devido a irregularidades.

Em paralelo, por volta de 22h, GCMs ainda deram apoio às equipes do Setor de Fiscalização de Posturas e da Vigilância Sanitária, da Prefeitura de Sorocaba, para averiguar denúncias em dez estabelecimentos, localizados nos bairros: Vila Lucy, Jardim Zulmira, Vila da Fonte, Trujillo, Jardim Maria do Carmo, Vila Nova Sorocaba, Parque São Bento, Jardim São Guilherme e Santa Rosália. Desses, um estava fechado e quatro não apresentavam nenhuma irregularidade. Os outros cinco foram autuados ou notificados, seja por poluição sonora ou falta de alvará de horário especial para funcionar após a meia-noite, sendo que três acabaram tendo suas atividades encerradas.

A GCM ainda realizou, durante o plantão noturno, patrulhamento preventivo nos arredores de 19 próprios municipais, para garantir a segurança da população e do patrimônio público. A população pode sempre colaborar com a Secretaria de Segurança Urbana (Sesu) nessas ações e, em casos de perturbação do sossego, eventos clandestinos ou outras irregularidades, informar os órgãos de segurança, pelos telefones 153 (GCM) e 190 (PM).



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
visitas

30349

views

81464

Qual melhor candidato?

0%
100.0%
0%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp